terça-feira, 14 de outubro de 2008

Estudo Dirigido para o 2º ano do E.M: Mollusca e Arthropoda

FILO MOLLUSCA


01. Considere as seguintes características de determinado animal: hermafroditismo, celomado, pulmão simples, um par de nefrídios, dois pares de tentáculos sensoriais, glândula secretora de muco e rádula.

a) A que filo e classe pertence o animal que apresenta todas as características descritas? Cite um exemplo de animal pertencente a essa classe.
b) Qual é a função do muco secretado pela glândula? Cite uma classe, do mesmo filo, em que essa glândula não existe.


02. Explique, de maneira comparativa, duas características que permitem considerar moluscos como animais mais complexos que celenterados.

03. Uma estrutura comum no tubo digestivo de várias classes de moluscos é a rádula, que funciona como uma língua raspadora e trituradora de alimentos. Porém, nos bivalves, a rádula está ausente. Por quê?

04. Citar três características exclusivas dos moluscos.

05. A classe Gastropoda conquistou uma ampla variedade de "habitats", o que certamente tornou esse grupo o mais bem sucedido entre os moluscos. O referido grupo sofreu a mais extensa irradiação adaptativa dentro desse filo.

Considerando as modificações que sofreram algumas espécies de gastrópodos, na transição do ambiente aquático para o terrestre, especifique as alterações que se deram no que se refere a:
— concha;
— desenvolvimento reprodutivo;
— local de troca gasosa.


06. Os navios são considerados introdutores potenciais de espécies exóticas através da água de lastro (utilizada nos tanques para dar aos navios estabilidade quando vazios). Essa água pode conter organismos de diversos grupos taxonômicos. Com certa freqüência lêem-se informações relacionadas a essas introduções:

I. O mexilhão dourado (Limnoperna fortunei), um bivalve de água doce originário do sul da Ásia, chegou ao Brasil em 1998 e já infestou rios, lagos e reservatórios da Região Sul e do Pantanal. Além de causar problemas ecológicos, esse invasor ameaça o setor elétrico brasileiro, a agricultura irrigada, a pesca e o abastecimento de água devido à sua capacidade de se incrustar em qualquer superfície submersa.

(Adaptado de Evanildo da Silveira, "Molusco chinês ameaça ambiente e produção no Brasil". http://www.estadao.com.br/ciência/notícias/2 04/mar/18/75.htm)


II. As autoridades sanitárias acreditam que o vibrião colérico, originário da Indonésia, chegou ao Peru através de navios e de lá se espalhou pela América Latina.

(Adaptado de Ilídia A.G.M.Juras, "Problemas causados pela água de lastro". Consultoria Legislativa da Câmara dos Deputados, 2003.)


a) Além de problemas como os citados acima, a introdução de espécies oferece risco de extinção de espécies nativas. Explique por quê.
b) Indique uma característica que diferencie os moluscos bivalves das demais classes de moluscos. Indique uma outra característica que permita incluir os bivalves no filo Mollusca.
c) Nas áreas de risco de contaminação por vibrião colérico, as autoridades sanitárias recomendam não ingerir mexilhões e ostras crus. Essa recomendação baseia-se no modo como esses moluscos obtêm alimento. Explique.




Filo Arthropoda


01.Quais são as duas principais evidências que reforçam a hipótese do parentesco evolutivo entre anelídeos e artrópodes?


02. Para alguns cientistas, os artrópodes teriam surgido a partir dos anelídeos. Os peripatos (Peripatus sp) seriam os representantes atuais dos possíveis ancestrais dos artrópodes, uma vez que reúnem características dos anelídeos e dos artrópodes. Os peripatos apresentam corpo vermiforme, são dotados de traquéias, possuem nefrídeos, têm circulação aberta e cutícula de quitina. Quais dessas características são próprias dos anelídeos e quais características pertencem aos artrópodes?


03. Joãozinho é estudante do 2° grau e passou a manhã toda observando os animais em uma mata. Indique qual o filo de animais que deveria estar mais representado nas observações de Joãozinho e duas características importantes deste filo.


04. O número de espécies dos grandes animais está proporcionalmente representado no diagrama abaixo. a) Um dos filos inclui a classe de invertebrados mais abundante em número de espécies. Qual é essa classe?
b) Indique duas características morfológicas que contribuíram para o sucesso dessa classe. Justifique.

05. Indique três características da classe de animais que inclui indivíduos com capacidade de vôo durante a fase adulta e quatro pares de falsas patas durante a fase larvária.
06. Os gráficos a seguir representam a taxa de crescimento natural observada em algumas espécies animais até atingirem a fase adulta.
LINHARES, S.; GEWANDSZNAJDER,F. Biologia. São Paulo: Ática, 2004
Após analisar os gráficos, faça o que se pede:
a) Identifique um classe de animal que possa ter um desenvolvimento correspondente aos gráficos A e B, respectivamente.
b) Explique a diferença observada nos gráficos entre o crescimento corporal desses animais.
07. Nos insetos o sistema respiratório está desvinculado do sistema circulatório.
a) Como é esse sistema respiratório? Qual a função do sistema circulatório nesses organismos?
08. A figura adiante representa o esquema geral do sistema respiratório de indivíduos adultos de determinado grupo animal.
a) A que grupo animal refere-se o esquema?
b) Qual a relação entre o sistema respiratório e o circulatório, nesse grupo animal? Justifique sua resposta.
09.O zumbido do vôo de um pernilongo é produzido pelo movimento de suas asas. Essa intensa atividade muscular, requerendo alto consumo de oxigênio, é compatível com o tipo de sistema circulatório dos insetos?
10. Os insetos possuem sistema circulatório aberto e, em sua hemolinfa, não existem pigmentos como a hemoglobina ou a hemocianina - pigmentos responsáveis pelo transporte de oxigênio em outros animais. A maioria dos insetos é capaz de voar por períodos longos, o que implica necessariamente grande esforço muscular associado a um consumo elevado de oxigênio.Explique como é possível para os insetos, na ausência de pigmentos transportadores, obter o oxigênio necessário ao vôo.
11. Leia com atenção o que Calvin está dizendo às formigas:
a) Justifique, do ponto de vista biológico, a afirmação de Calvin: "se elas estivessem me entendendo, nunca mais teremos problemas com as formigas".
b) Cite dois outros grupos de insetos com modo de vida semelhante ao das formigas. Sugestão de
12. (UFPR) Os insetos apresentam três tipos de desenvolvimento pós-embrionário: ametábolo, hemimetábolo e holometábolo. Com base nas figuras a seguir, identifique e caracterize os três tipos.
13. Um dos maiores problemas encontrados pelos agricultores é a existência de insetos que chegam a destruir lavouras inteiras. Contudo, nem todos os insetos, denominados pragas, são daninhos durante todas as fases do ciclo de vida.
a) COMENTE o papel desempenhado pelas borboletas durante sua fase larval e adulta, em relação ao exposto anteriormente.
b) CITE um inseto que se apresenta como praga desde a fase jovem até a fase adulta do seu ciclo de vida.
14. Os insetos constituem um grupo de animais que apresenta grande diversidade biológica e desempenha importante papel nos ecossistemas terrestres. Por outro lado, algumas espécies desse grupo podem causar sérios prejuízos à agricultura e à saúde humana e animal. a) Descreva três adaptações estruturais que contribuíram para o sucesso evolutivo dos insetos, bem como para sua ampla dispersão em ambientes terrestres. b) Explique o processo de transmissão de uma doença humana, na qual um inseto é o vetor de um protozoário, agente causador dessa doença.
15. O esquema é válido para o desenvolvimento de muitas espécies de insetos:
ovo - larva - pupa - adulto
a) Como são denominados os insetos que apresentam esse tipo de desenvolvimento?
b) Cite dois exemplos de insetos que apresentam esse tipo de desenvolvimento.
16. Dê a classificação dos insetos quanto ao fenômeno da metamorfose. Caracterize cada uma delas.
17. Os insetos constituem um dos grupos mais antigos e numerosos com características bem definidas. Abordando o tema, fale sobre:
a) O tipo de esqueleto e a divisão do corpo.
b) O tipo de respiração e circulação.
c) O desenvolvimento dos insetos holometábolos.

18. Como chegavas do casulo, - inacabada seda vida - tuas antenas - fios soltos da trama de que eras tecida,e teus olhos, dois grãos da noite de onde o teu mistério surgia.
a) A que filo e classe pertence o animal de que falam os versos?
b) Qual a seqüência dos estágios de seu desenvolvimento?

19. João e Pedro estão caminhando por um parque e observam, presas ao tronco de uma árvore, "cascas", que João identifica como sendo de cigarras. Especialistas chamam essas cascas de exúvias. João conta a Pedro que a tradição popular diz que "as cigarras estouram de tanto cantar", explica que as cigarras são insetos e descreve o número de apêndices encontrados em um inseto generalizado.
a) Do ponto de vista biológico, é correto afirmar que exúvias são restos do corpo de cigarras que "estouraram de tanto cantar". Justifique a sua resposta.
b) Qual o número de apêndices encontrados no tórax de um inseto adulto generalizado?
20. Os invertebrados como, por exemplo, borboletas, planárias, esponjas, minhocas, baratas e hidras, podem ser agrupadas de acordo com características relativas à excreção.
a) Dentre os animais, quais não apresentam estruturas especializadas para a excreção? Explique como é realizada a excreção nestes casos.
b) Os Túbulos de Malpighi têm função excretora. Indique em que dos animais citados eles ocorrem e explique o mecanismo de excreção nestes animais.
21. Os quadrinhos retirados da Folha de São Paulo (03.10.2000) fazem referência ao exoesqueleto.
a) O exoesqueleto é uma característica exclusiva dos insetos? Justifique.
b) Cite uma vantagem e uma desvantagem adaptativa decorrentes da presença do exoesqueleto.
22. (UNICAMP) A cigarra e a formiga são personagens de uma fábula que enaltece o trabalho. A biologia dos grupos aos quais pertencem esses insetos explica o diferente papel desempenhado por eles na fábula. No verão, encontram-se cascas de cigarras presas nas árvores ou no chão. Há uma crença popular de que as cigarras "arrebentam de tanto cantar".
a) Que aspecto da biologia das formigas justifica sua associação com o trabalho?
b) Qual a função do canto das cigarras?
c) As cascas não são cigarras mortas. Explique o que representam essas cascas.

23. A revista Ciência Hoje (nº 140, 1998) publicou um artigo relatando que pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz desenvolveram uma vela preparada com o bagaço da semente de andiroba, cuja queima é capaz de inibir o apetite das fêmeas do mosquito Aedes aegypti .
a) Cite uma doença, transmitida por este mosquito.
b) Explique, através do mecanismo de contágio, como a vela de andiroba pode colaborar na diminuição da proliferação desta doença.
24. "O Ceará vive a segunda maior epidemia de dengue de sua história. De acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), atualmente existem 23.357 casos confirmados da doença em 126 municípios. Em Fortaleza, 10.562 ocorrências foram confirmadas, o que corresponde a mais de 45% dos registros em todo o Estado".
Jornal 0 POVO, 3 de setembro de 2001
O transmissor dessa doença e o mosquito Aedes aegypti, inseto da ordem Díptera.Observe a figura a seguir, que mostra o desenvolvimento do inseto, e responda o que se segue:
a) Esse inseto é classificado como Pterigoto e Holometábolo. O que significa cada termo?
b) Cite três medidas de prevenção e/ou combate ao inseto transmissor da dengue.

25. (VUNESP) "O crescimento do Ecoturismo é um dos principais responsáveis pelos surtos de febre amarela nos últimos anos. Na busca do contato com a natureza, o homem também se aproxima do mosquito Haemagogus, que transmite a forma silvestre (selvagem) da doença, a partir de macacos infectados".
(Jornal "O Estado de S. Paulo", 3.3.2001, p. A2.)
a) Qual o nome do mosquito transmissor da febre amarela nos centros urbanos? Que outra doença é transmitida por esse mesmo vetor?
b) De que forma a febre amarela contraída nas matas pode ser disseminada na população que vive nos centros urbanos? O uso generalizado de antibióticos no combate a essa doença resolveria o problema? Justifique sua resposta.
26. O conhecimento dos artrópodes é de grande importância médica. Mencione duas razões que apóiem esta afirmativa e cite pelo menos duas classes de artrópodes envolvidos em problemas de saúde humana.

3 comentários:

Liane disse...

E as respostas dessas questões? Onde encontro?

Liane

emilycorrea disse...

ONDE EU ACHO AS RESPOSTAS

Anônimo disse...

Estudando.

E vocês ainda se consideram professores. tsc tsc